Defesa Civil registra 105 ocorrências em função do temporal desta quinta

0

Em função do temporal desta quinta-feira, dia 17, a Defesa Civil registrou 105 ocorrências sem vítimas fatais. De acordo com o levantamento, que deve ser concluído ainda durante esta sexta-feira, dia 18, foram registrados um total de 34 deslizamentos, 44 análises de risco e oito alagamentos, sendo a região Norte a mais atingida pelas águas. De acordo com o diretor de Defesa Civil, Adriano da Cunha, as equipes estão retornando aos locais das ocorrências para fazer uma análise mais apurada da situação.

Um relatório parcial divulgado pela Defesa Civil apontou que o bairro Itoupavazinha registrou um acúmulo de 92,4 milímetros de chuva, seguido pelo bairro Vila Itoupava com 81 milímetros. O bairro Velha, nas proximidades do Parque Ramiro Ruediger, chegou à marca dos 73,8 milímetros.

Os bairros Itoupava Central e Fidélis também registraram volumes de 70,8 e 68,4 milímetros de água, respectivamente. Segundo Adriano, o acúmulo de água no município foi intenso, já que em Blumenau o volume de chuva normalmente registrado durante todos os meses oscila entre 150 a 180 milímetros.

O responsável pela Secretaria de Defesa do Cidadão (Sedeci), Carlos Olimpio Menestrina, orienta que a população faça o registro das ocorrências pelo telefone 199. “Mesmo a pessoa ligando para os veículos de comunicação, é aconselhável que faça o registro pelo 199. Isso facilita e agiliza o encaminhamento da ocorrência à equipe responsável”, diz.

Previsão
De acordo com levantamento do AlertaBlu, dias com altas temperaturas e possibilidade de chuvas devem se estender até o final de janeiro. Para esta sexta-feira, a previsão é de calor, devendo a temperatura oscilar entre 30°C e 32°C em função da presença e variação de nebulosidade na região. Com isso, não está descartada a possibilidade de pancadas de chuvas com trovoadas. O levantamento apontou ainda que, no sábado, dia 19, a temperatura deverá subir, chegando à marca dos 36°C, com forte risco de temporal no município.

Em função deste período de altas temperaturas na região, a Defesa Civil orienta a população para as medidas de prevenção que podem ajudar e minimizar problemas com chuvas, como manter as calhas das residências limpas, além de desobstruir as bocas de lobo na via e que contribuem para o escoamento das águas. É necessário ainda ficar atento à presença de rachaduras no terreno e na própria residência.

Unidades de ensino
Nesta sexta-feira, a secretária de Educação, Patrícia Lueders, está visitando as unidades de ensino da cidade para verificar a situação. De acordo com um relatório preliminar, cinco unidades tiveram prejuízos. Na Escola Básica Municipal (EBM) Helena Winckler, no bairro Velha, uma árvore caiu em frente à unidade e acabou arrebentando os fios de energia e telefone.

Na EBM Leoberto Leal, no Salto do Norte, foi registrado um destelhamento. Já nos Centros de Educação Infantil (CEIs) Paulo Freire, na Itoupava Central, e Maike Andresen Deeke, no Badenfurt, além da EBM Machado de Assis, houve alagamento.

A Prefeitura realiza ainda trabalhos de limpeza no Museu da Cerveja, que também foi atingido pelas chuvas na parte interna. Mesmo assim, não foi registrado nenhum dano ao acervo. A Secretaria Municipal de Promoção da Saúde alerta que o Ambulatório Geral (AG) do Centro estará com a sala de vacina fechada durante esta sexta-feira em função de goteiras no local. O funcionamento volta ao normal na segunda-feira, dia 21. 

Share.

Comments are closed.

%d blogueiros gostam disto: