Câmara Mirim realiza sexta sessão ordinária do ano

0

Fotos: Lucas Prudêncio | Imprensa CMB

A Câmara Mirim de Blumenau realizou, na tarde desta segunda-feira (20), a sexta sessão ordinária da Legislatura. A reunião, que aconteceu no plenário do Legislativo municipal, contou com as presenças do representante da Comissão Municipal do Maio Amarelo, Paulo Kramatscheck, do ilustrador Luiz Cé, criador do Vovô Chopão, e da suplente de vereadora mirim Amanda Brassiani, que representa o Colégio Militar Feliciano Nunes Pires. Os três utilizaram a tribuna livre.

Paulo Kramatscheck, da Comissão Municipal do Maio Amarelo, explicou o movimento mundial de prevenção a acidentes de trânsito, focado em conscientização. Disse que foi instituído pela ONU em 2011 e acontece em quase todos os países, sendo uma campanha realizada em Blumenau nos últimos seis anos.

Apontou que a meta da ONU é, até 2020, ter metade acidentes ocorridos em 2011. Porém, afirmou que a meta em Blumenau é reduzir o número de mortes no trânsito para zero. “O número aceitável de mortes no trânsito deve ser zero, e é isso que o Maio Amarelo busca, através da disseminação de conhecimento. Só vamos conseguir se todos nos empenharmos nisso”, assinalou.

Ele ainda falou sobre os eventos de conscientização realizados em Blumenau neste mês, que somam 136, incluindo a ação realizada pelos vereadores mirins na Rua das Palmeiras no início da tarde desta segunda-feira.

Luiz Cé, o criador do Vovô Chopão, falou sobre os 40 anos do personagem, comemorados em 2019. Relatou a trajetória do Vovô Chopão, que ilustrava inicialmente tirinhas publicadas em um jornal, e em 1984 passou a divulgar a Oktoberfest. “De lá pra cá fizemos muitas ações em diversas áreas, inclusive cartilhas educativas abordando temas como direito do consumidor, diabetes, combate à dengue, entre outros”, relatou.

O criador do personagem mostrou materiais desenvolvidos ao longo desses 40 anos e convidou os vereadores mirins a acompanharem novidades do Vovô Chopão pela página dele no Facebook.

Em seguida a vereadora mirim suplente Amanda Brassiani, que representa o Colégio Militar Feliciano Nunes Pires, falou sobre racismo. Disse que pessoas racistas acreditam que existem raças superiores às outras e fazem julgamentos negativos e prévios sem conhecer as pessoas “a cor não representa caráter de ninguém, mas sim suas atitudes, comportamento e generosidade”, assinalou.

Ela abordou a existência de leis contra o racismo no Brasil, que é considerado crime inafiançável. Ao final, disse que a solução para o racismo é que as famílias possam ensinar seus filhos desde pequenos que todas as pessoas são iguais, independentemente da cor da pele.

Logo após, os vereadores mirins fizeram seus pronunciamentos na tribuna. Entre os assuntos abordados estiveram a realidade da saúde pública no Brasil, preconceito linguístico e a necessidade de uma delegacia da Polícia Federal em Blumenau.

Durante a Ordem do Dia, os vereadores mirins discutiram e votaram nos requerimentos de Nºs 44 a 55. Todos os documentos foram aprovados. Também foram colocadas em discussão e votação as moções de louvor de Nºs 1 a 17, de autoria do vereador mirim Andrei Felipe Imthurm, a serem concedidas para as pessoas e entidades que contribuíram com a história da Escola de Educação Básica Coronel Pedro Christiano Feddersen. O educandário fará aniversário no próximo mês. Todas as moções foram aprovadas.

A próxima sessão ordinária será itinerante, no dia 3 de junho, às 15 horas, na Escola de Educação Básica Coronel Pedro Christiano Feddersen.

Requerimentos aprovados

Requerimento N° 44 – De autoria do vereador mirim Gabriel Ianczkovski – Providências no sentido de pintar faixas para travessia de pedestres ao longo da Rua Max Hering, no bairro Victor Konder e suas transversais.
Requerimento N°45 – De autoria do vereador mirim Gabriel Ianczkovski – Providências no sentido de instalar uma placa de proibido retorno na travessia entre as Ruas Humberto de Campos e Alberto Stein, no Bairro Velha.
Requerimento Nº 46 – De autoria do vereador mirim Gabriel Ianczkovski – Providências no sentido de revitalizar a praça e a quadra de esportes localizada na Rua Joinville, no bairro Vila Nova.
Requerimento Nº 47 – De autoria da vereadora mirim Júlia Bertoldi Hoffmann – Providências no sentido de fiscalizar o estacionamento de carros dos dois lados da Rua Presidente Barros Cavalcante.
Requerimento Nº 48 – De autoria do vereador mirim Gabriel Reitz Buerger – Providências no sentido de repensar o funcionamento da rotatória localizada na Rua dos Caçadores que dá acesso à Rua Divinópolis.
Requerimento Nº 49 – De autoria do vereador mirim Matheus Feliciano de Azevedo – Providências no sentido de fazer manutenções no viaduto da Mafisa, na Rua Doutor Pedro Zimmermann, no bairro Itoupavazinha.
Requerimento Nº 50 – De autoria do vereador mirim Matheus Feliciano de Azevedo – Providências no sentido de colocar uma faixa de pedestres no cruzamento localizado à frente do posto de gasolina na Rua Carlos Pagel, no bairro Itoupava Central.
Requerimento Nº 51 – De autoria do vereador mirim Matheus Feliciano de Azevedo – Providências no sentido de colocar um guarda de trânsito nos horários de pico na rótula da Rua Dois de Setembro, no bairro Itoupava Norte.
Requerimento Nº 52 – De autoria da vereadora mirim Francine Eduarda dos Santos – Providências no sentido de realocar a parada de ônibus da Rua Bahia, próximo à Rua Alberto Manzke.
Requerimento Nº 53 – De autoria do vereador mirim Andrei Felipe Imthurm -Providências no sentido de implantar um ônibus especial do transporte coletivo de Blumenau para os alunos da Escola de Educação Básica Coronel Pedro Christiano Feddersen, nos horários de início (07:30) e término (11:30) das aulas no período matutino.
Requerimento Nº 54 – De autoria da vereadora mirim Camila Coelho – Providências no sentido de disponibilizar um coordenador pedagógico para atuação na Escola de Educação Básica Professor João Widemann, Rua 4 de Fevereiro, n° 64, no bairro Itoupava Norte.
Requerimento Nº 55 – De autoria da vereadora mirim Camila Coelho – Providências no sentido de implantar uma linha de ônibus especial para transporte dos alunos da Escola de Educação Básica Professor João Widemann, Rua 4 de Fevereiro, n° 64, no bairro Itoupava Norte.

Share.

Comments are closed.

%d blogueiros gostam disto: