Basquete feminino de Blumenau vence Santo André com final eletrizante

0

De virada, e apertado, as meninas de Blumenau se mantiveram com 100% no aproveitamento. No interior paulista, venceram Santo André por 62 a 61.

Dois jogos, duas vitórias.

Na segunda-feira, dia 5, as blumenauenses enfrentarão São Bernardo-SP, em confronto marcado para às 20h.

Confira os detalhes da eletrizante partida deste sábado, retirados do site da LBF.

Blumenau supera déficit de 12 pontos do intervalo para vencer Santo André/APABA com final eletrizante

Um final digno de jogo 5 de playoff. A partida que parecia se encaminhar para uma vitória tranquila do Santo André/APABA ganhou traços de drama no segundo tempo e um final espetacular, com a virada de Blumenau por um ponto: 62 a 61 no Ginásio Pedro Dell’Antonia, em Santo André (SP). Com a vitória fora de casa, a equipe catarinense manteve 100% de aproveitamento. Santo André/APABA caiu para a quarta colocação, com 60% de aproveitamento – tem agora três vitórias e dois reveses.

A cestinha da partida foi a ala/armadora Mariana Camargo, de Blumenau, com 20 pontos – ela ainda apanhou quatro rebotes e deu três assistências.  Pela equipe mandante, a armadora Débora teve sua melhor partida da temporada,com 18 pontos, seis rebotes e quatro roubos de bola.

“A gente começou errando bolinhas fáceis e elas (Santo André) foram abrindo. No segundo tempo, a gente mudou totalmente nossa atitude, e isso foi crucial, principalmente na defesa. O reflexo foi a gente começar a fazer essas bolinhas fáceis que erramos no começo. Muito importante pra gente buscar essa vitória e o que nos levou a isso foi a mudança de mentalidade”, analisou Mariana Camargo.

No primeiro quarto, Bruno Guidorizzi manteve o time titular durante os dez minutos e e a equipe abriu dez de vantagem (21×11), administrando o placar para fechar o primeiro tempo com 12 a frente (34×22). Débora, a altura, já tinha 14 pontos.

O segundo tempo trouxe uma partida completamente diferente. Santo André se acomodou com a vantagem e permitiu a reação blumenauense. Aos poucos, a equipe do sul foi tirando a diferença, comandadas por Mariana Camargo, Carina Felippus e Yasmim, terminando o terceiro período com empate no placar – 46×46.

Com a partida novamente equilibrada, a decisão ficou para o último quarto. Blumenau passou a frente pela primeira vez no jogo a nove minutos do fim, com cesta de dois pontos de Carina Felippus. Foram três empates e quatro viradas no placar. Atrás durante a maior parte do período, Santo André chegou a retomar a liderança e a abrir quatro pontos a dois minutos do fim com duas bolas de três de Érika e Jaqueline, mas outras duas cestas de Mariana Camargo e dois lances livres de Fernanda Bibiano selaram a vitória de Blumenau. Luana ainda teve a chance no estouro do cronômetro de levar a partida para a prorrogação com três lances livres, mas a ala andreense desperdiçou o primeiro, sacramentando a derrota.

“Fiquei feliz com a vitoria. No vestiário conversei com as meninas: ‘Temos que mudar a postura. Jogo como esse pede mais agressividade’. Elas entraram no terceiro quarto muito concentradas, colocando pressão e tirando Santo André da zona de conforto. É o segundo jogo nosso, mas zera tudo. Segunda tem uma equipe muito difícil, que é São Bernardo”, comemorou João Camargo, técnico de Blumenau.

Share.

Comments are closed.

%d blogueiros gostam disto: